TAMANHO DO TEXTO A- A A+

O uso de sangue, outros tecidos, células e órgãos humanos para tratamento de agravos é uma tecnologia já disponível no Brasil. Para garantir a qualidade e a segurança destes tratamentos, a vigilância sanitária elabora normas e regulamentos técnicos, inspeciona os serviços credenciados, capacita profissionais e monitora a ocorrência de eventos adversos com a utilização das tecnologias disponíveis. Na Anvisa, essas atividades são desempenhadas pela área de Sangue, outros Tecidos, Células e Órgãos.

Nesta área do site estão disponíveis: legislação vigente que regulamenta essas atividades, eventos nacionais e internacionais e publicações sobre o tema, além de informações da gerência e seus parceiros.

Destaques
Anvisa publica Resolução sobre as Boas Práticas em Tecidos humanos para fins terapêuticos

Anvisa publica a Resolução da Diretoria Colegiada – RDC n. 55, de 11 de dezembro de 2015, que dispõe sobre as Boas Práticas em Tecidos humanos para fins terapêuticos. Essa Resolução se aplica a todos os Bancos de Tecidos, de qualquer natureza, que realizam atividades com um ou mais tipos de tecidos de origem humana para fins terapêuticos. 

Anvisa e Ministério da Saúde divulgam nota técnica sobre os critérios a serem adotados pelos Serviços de Hemoterapia frente ao Vírus Zika no Brasil

A Nota Técnica Conjunta 001/2015 traz orientações importantes aos Serviços de Hemoterapia no que diz respeito a triagem clínica de candidatos à doação de sangue, frente à situação de emergência nacional pela infecção causada pelo vírus Zika. O documento foi discutido também no âmbito do Centro de Gerenciamento de Informações sobre Emergências (e-Visa) da Anvisa e pelo Centro de Operações de Emergência em Saúde (COES) do Ministério da Saúde.

 

Endereço: Setor de Indústria e Abastecimento (SIA) - Trecho 5, Área Especial 57, Brasília (DF) - CEP: 71205-050 c 2005-2009 Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Todos os direitos reservados. ANVISA ATENDE - 0800-642-9782 - webmail