RSS


Voltar

Webconferência com a Colômbia trata de terapias avançadas

Parceria internacional

Webconferência com a Colômbia trata de terapias avançadas

Anvisa explorou o tema em atividade proposta pelo governo da Colômbia
Por: Ascom/Anvisa
Publicado: 09/07/2018 11:45
Última Modificação: 09/07/2018 14:41

A regulação de produtos de terapias avançadas para o tratamento de coagulopatias foi o tema de uma webconferência realizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), no dia 26/06, a convite do Ministério da Saúde da Colômbia e da Universidade Nacional da Colômbia.

O objetivo da atividade foi expor aos participantes as discussões que vêm sendo realizadas no Brasil no âmbito da regulação das terapias celulares, mostrando as ações da Anvisa e o protagonismo brasileiro nesse tema na América Latina (AL).

Com a publicação da RDC 214, de 2018, a Anvisa tornou-se o primeiro órgão latino-americano a conceituar em normativa sanitária os produtos de terapias avançadas, estabelecendo requisitos de boas práticas em células humanas, a saber: produto para terapia celular avançada, produto de terapia gênica à base de células e produto de engenharia de tecidos humanos.

A atividade contou com a participação da Gerência de Sangue, Tecidos, Células e Órgãos (GSTCO), pesquisadores, empresas colombianas e da Invima (agência reguladora colombiana).

 

Quer saber as notícias da Anvisa em primeira mão? Siga-nos no Twitter @anvisa_oficial e Facebook @AnvisaOficial