Voltar

Anvisa faz visitas em Programa de Estudos Experienciais

Inovação

Anvisa faz visitas em Programa de Estudos Experienciais

Programa de Estudos Experienciais consiste em visitas de técnicos da Agência a industrias, laboratórios e outras instituições e visa compreender políticas, práticas e desafios enfrentados no uso de novas tecnologias..
Por: Ascom/Anvisa
Publicado: 17/05/2017 16:54
Última Modificação: 26/02/2018 11:59

A Anvisa está lançando o Programa de Estudos Experienciais, que consiste em visitas de técnicos da Agência a indústrias, laboratórios, serviços de saúde e outras instituições, que visam compreender as políticas, práticas e desafios enfrentados pelas empresas na concepção e desenvolvimento de tecnologias emergentes e inovadoras.

As visitas não são destinadas a inspecionar, avaliar, julgar ou desempenhar funções regulatórias (por exemplo, inspeção de conformidade) A Anvisa trata o Programa como uma oportunidade de estudo experiencial que irá agregar qualidade ao processo de produção de normativos e de avaliação de tecnologias e, ainda, ajudará a garantir a confiança dos consumidores nos produtos e serviços a serem disponibilizados para a população brasileira.

O Edital de Chamamento Público nº 04, de 16 de maio de 2017, buscará dar oportunidade a todos os interessados em receber técnicos da Anvisa para compartilhar experiências com o uso ou desenvolvimento de tecnologias inovadoras e emergentes. O edital também oportunizará o envio pelas instituições participantes de indicações de tecnologias emergentes e inovadoras que estão sendo desenvolvidas no meio industrial e acadêmico e que precisam ser conhecidas pela Agência.

As instituições poderão se candidatar para receber os técnicos da Anvisa para discutir acerca de oito temas, sendo eles:

  • Equipamentos cirúrgicos a laser e acessórios;
  • Implantáveis fabricados em serviços de saúde por meio de tecnologia 3D;
  • Desenvolvimento de “companion diagnostics”;
  • Produtos de terapias avançadas;
  • Estabelecimentos de sangue fornecedores de plasma humano para fracionamento industrial;
  • Fórmulas para nutrição enteral;
  • Fórmulas infantis e probióticos.

Confira o Edital na íntegra. Não deixe de participar!

 

Quer saber as notícias da Anvisa em primeira mão? Siga-nos no Twitter (@anvisa_oficial)!