Voltar

Anvisa e UnB firmam acordo de cooperação em vigilância sanitária

$chapeu_da_noticia.getData()

Anvisa e UnB firmam acordo de cooperação em vigilância sanitária

Por: ASCOM
Publicado: 17/11/2011 02:00
Última Modificação: 25/06/2015 13:19
$texto_alternativo.getData()
$legenda-imagem.getData()

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e Fundação Universidade de Brasília assinaram, nesta quinta-feira (17/11), protocolo de Cooperação Técnica e Operacional em vigilância sanitária.O convênio foi firmado durante a 3ª reunião ordinária do Grupo Executivo do Complexo Industrial da Saúde, em Brasília (DF).

O protocolo de cooperação prevê o desenvolvimento de trabalhos e ações conjuntas no âmbito científico, acadêmico e técnico para aprimorar processos e práticas na área de vigilância sanitária. “Vamos empreender esforços no sentido de buscar um marco regulatório que supere as barreiras sanitárias que não foram aprimoradas ao longo do tempo”, afirmou o diretor-presidente da Agência, Dirceu Barbano, na assinatura convênio.

Além disso, as duas instituições irão promover a troca de experiências e a difusão do conhecimento em novas tecnologias. “É preciso haver um diálogo com a inovação e os arranjos produtivos regionais”, defendeu Barbano.

O acordo também prevê a realização conjunta de cursos de formação acadêmica lato e stricto sensu para os servidores da Anvisa e profissionais de vigilância sanitária em estados e municípios. “Com esse convênio, poderemos avançar na qualificação e certificação de equipamentos na área biomédica”, disse o vice-reitor da Universidade de Brasília, João Batista de Souza.

Genéricos

O diretor-presidente da Anvisa afirmou, ainda, que o registro de medicamentos genéricos cresceu, em 2011, 80% em relação a 2010. “Temos trabalhado para que a população tenha acesso a medicamentos seguros e para que esses produtos possam obter registro no menor prazo possível”, falou Barbano.

Kits de diagnóstico

Durante a reunião, o Instituo Carlos Chagas (Paraná) e a empresa Lifemed Industrial de Equipamentos e Artigos Médicos Hospitalares S.A assinaram a primeira parceria de desenvolvimento produtivo para a produção de kits destinados ao diagnóstico de HIV, rubéola, sífilis, toxoplasmose e hepatite B.Utilizando apenas uma gota de sangue, o kit dá o diagnóstico de todas essas doenças em poucos minutos.

“As parcerias de desenvolvimento produtivo têm tornado possível o amplo acesso da população a produtos de tecnologia avançada. Elas geram economia, segurança e estabilidade na compra dos produtos, uma vez que a aquisição independe de oscilações de moedas estrangeiras”, destacou o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, que estava presente na reunião. Os kits nacionais estarão disponíveis aos usuários do Sistema Único de Saúde em 2014.

Danilo Molina – Imprensa/Anvisa / Com informações do Ministério da Saúde