Voltar

Atualização - Inconsistência na escrituração do medicamento Mínti (Nitazoxanida)

A Gerência de Produtos Controlados (GPCON/GGMON/Anvisa) comunica aos responsáveis técnicos de farmácias e drogarias privadas do país a identificação de inconsistência na escrituração da apresentação do medicamento Mínti (Nitazoxanida) de número de registro 1942700370011.

 

Este medicamento não estava sendo encontrado na base de dados da Anvisa quando do envio de arquivos XML (transmissão e inventário) no período de 04/06/2020 a 08/06/2020. Durante este período, todas as movimentações de entrada e saída que continham este medicamento não puderam ser encaminhadas para a base de dados da Anvisa.

 

Entretanto, no dia 09/06/2020, a inconsistência referente ao medicamento Mínti (Nitazoxanida) foi corrigida e a alimentação já deve ser retomada, com envio dos arquivos em ordem sequencial e cronológica, sem deixar lacunas temporais, a partir desta data.

 

Ressaltamos que as inconsistências com medicamentos ocorrem devido a problemas em sua localização na base de dados da Anvisa e não estão relacionadas com a qualidade do medicamento.

 

Conforme Artigo 33 da RDC 22/2014, “Art. 33. Não deverá ser objeto de autuação a falta de regularidade na transmissão das movimentações e emissão de relatórios quando o motivo for estritamente instabilidade operacional do próprio SNGPC.” Desta forma, a falta de envio no período de 04/06/2020 a 08/06/2020 de arquivos que comprovadamente contivessem movimentações com o medicamento Mínti (Nitazoxanida), estará amparada pela Resolução citada.

 

Gerência de Produtos Controlados